Captare recomenda: Deus lo Vult!

Todos que ainda têm um pouquinho de bom senso sabem que há poucas coisas tão viciadas quanto o debate atual acerca do papel da mulher em casa e fora, na sociedade. O debate se tornou viciado porque o feminismo se entranhou de tal modo na mentalidade hodierna, que hoje em dia ter apenas a preferência (não a exigência) de que a mulher se dedique mais (não exclusivamente) ao serviço doméstico e ao cuidado dos filhos é tido como sendo um sintoma de machismo imperdoável!

Infelizmente, esta mentalidade que – não se enganem! – não prega a igualdade mas a supremacia feminina se instalou na mente de milhares de meninas, moças e senhoras cristãs, que acabam defendendo estas idéias progressistas criadas para nada mais do que destruir a moral tradicional, defendida pela Igreja, e que tem sido o alicerce forte da sociedade ocidental que, se hoje está em avançado estado de decadência e revolução, é justamente por que se permitiu que estes ratos roessem este fortíssimo alicerce da moral cristã e da moral natural.

Por essas e outras que eu me sinto aliviado, tal qual fosse atingido por um sopro de ar fresco e limpo, quando eu vejo debates iguais ao que está se desenvolvendo no blog Deus lo Vult!, do Jorge Ferraz, desde quarta-feira última. O debate começou nesta postagem, mas esquentou mesmo nesta aqui. E o que me deixa tão feliz é que, apesar da grande quantidade de debatedores, todos tentam sustentar um ponto de vista muito católico e, por isso mesmo, tradicional do assunto. É claro que as idiossincrasias de cada participante influem muito, e no calor da discussão surgem muitas provocações desnecessárias. Mas compare o nível das provocações vistas no debate do Deus lo Vult com o nível das provocações vistas em outros ambientes tidos como de alto nível na internet e verá que as que aparecem no citado blog são apenas excesso de zelo e paixão pela Sagrada Doutrina, e por isso parecem apenas brincadeiras entre amigos em face do que vemos em Fóruns, Listas de Discussões e no próprio Orkut, mesmo em ambientes que se dizem cristãos.

E, felizmente, este tipo de debate acalorado, mas bem fundamentado e bem conduzido, é coisa muito comum no Deus lo Vult!, um blog predominantemente de opinião, mas de uma opinião fundamentada nas mais saudáveis fontes cristãs. Junto com blogs como o Fratres in Unum e o próprio Contra Impugnantes, é um dos blogs grandes da blogosfera católica, no sentido de número de visitantes e de comentadores, e também no sentido de tratar de temas muito relevantes relativos à Santa Igreja de Deus e o Seu papel na sociedade.

Não deixem de conferir, pois quase todo dia tem um ou mais posts que nos mostram de modo eloqüente como a cultura cristã deve impregnar a imprensa de opinião!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s