Satanismo no Vaticano

Por estes dias li sobre uma polêmica envolvendo o padre Gabriele Amorth e o padre José Antonio Fortea. Ambos são padres exorcistas. E ambos são famosos. O padre Amorth é mais.

Acontece que o Pe. Amorth publicou suas memórias recentemente e, por conta disso, o jornal italiano Il Foglio fez uma entrevista com ele. Quando leu a entrevista, o Pe. Fortea deixou alguns comentários às palavras do Pe. Amorth em uma postagem no seu blog e noticiada pelo Religión en Libertad. Eu li as duas notícias n’O Ultrapapista Atanasiano que “retwittou” as duas do Fratres in Unum.

O Pe. Amorth declara ao jornal Il Foglio:

Muitos prelados não crêem no demônio e inclusive chegam a dizer em público que o inferno e o demônio não existem. E, contudo, Jesus, no Evangelho, fala disso abundantemente, pelo que caberia se perguntar se não leram o Evangelho ou se absolutamente não crêem nele!

O comentário do Pe. Amorth trata desta que é maior arma do demônio hoje em dia: fazer o homem acreditar que ele não exista, pois entre os que se afogam, é muito maior o número daqueles que sabem nadar. Ademais, é a denúncia constante das obras do demônio que nos faz ficar vigilantes e buscar as defesas contra elas. E só se denuncia o que se acredita ser verdade. O grande responsável por esta nefasta realidade é o racionalismo agnóstico, que os progressistas fizeram o “favor” de trazer para dentro das grades curriculares da formação dos sacerdotes e, por conseqüência, para a doutrina que é ensinada por eles, a qual não inclui a crença na existência do demônio.

A prova desta realidade apontada pelo Pe. Amorth é o que aconteceu na “revisão” do Ritual do Exorcismo, e que o próprio Pe. Amorth relatou em outra entrevista, essa de Junho de 2001 e que eu li no site da Montfort. Naquela entrevista, entre outras coisas gravíssimas, o padre denuncia que a mutilação a que o Rito do Exorcismo foi submetido incluía a exclusão de orações que estava lá há doze séculos, a sua substituição por outras orações que eram totalmente ineficazes e o fato de que os próprios padres exorcistas, que eram os entendidos no assunto, não foram consultados para que fosse feita a reforma.

Mas, nesta entrevista mais atual, o negócio fica quente quando o Pe. Amorth revela que há satanistas no próprio Vaticano.

Sacerdotes, monsenhores e também cardeais. Sei por pessoas que conheceram isso diretamente. E além do mais é uma coisa “confessada” em outras ocasiões pelo mesmo demônio, sob obediência, durante os exorcismos.

E é aqui que entra o padre José Fortea, que postou uma réplica a estas palavras do Pe. Amorth em seu blog. Quando li o que o Pe. Fortea teria falado, pensei: “Ué! Que estranho!” e quando cheguei na parte onde ele fala do atual colégio cardinalício é que minha estranheza aumentou: “Ele só pode estar de brincadeira…”. Vejam estes dois excertos da postagem no blog do Pe. Fortea:

Creo que es un deber de justicia decir algunas cosas en defensa del Colegio Cardenalicio y del Vaticano en general.
[Creio que é um dever de justiça dizer algumas coisas em defesa do Colégio Cardinalício e do Vaticano em geral].

Las afirmaciones hay que probarlas, sobre todo cuando se trata de acusaciones tan graves que afectan a la honorabilidad de aquellos que forman parte de la Cabeza de la Iglesia en cuanto que ayudan al Supremo Pastor.
[É necessário provar as afirmações, sobretudo quando se trata de acusações tão graves, que afetam a honorbilidade daqueles que formam parte da Cabeça da Igreja, enquanto ajudantes do Supremo pastor].

Parece que o Pe. Fortea se sente pessoalmente ofendido com a declaração do Pe. Amorth , pois ele fala em ser um dever de justiça responder. Também concordo que uma acusação grave, como a que o Pe. Amorth faz, deve ser provada. Mas porque não foi um cardeal ou um grupo deles que pediu essas provas? Porque teve que ser o Pe. Fortea a se fazer de porta-voz do colégio cardinalício?

É especialmente esquisito que o Pe. Fortea tenha dito que “o Pe. Amorth não tinha outras fontes de conhecimento, além das revelações feitas por possessos durantes os exorcismos” e que ainda emende que “se remete às próprias palavras do Pe. Amorth para dizer isto”. É um grande erro, pois de acordo com as palavras do Pe. Amorth, sua primeira fonte de informação são “pessoas que conheceram isso diretamente”, isto é, testemunhas oculares. Só depois é que o padre cita o a “confissão” dos demônios. Vale lembrar que o Pe. Amorth diz que estas confissões são obtidas sob obediência. Será que o Pe. Fortea não acredita que Deus tenha o poder de forçar o demônio a dizer a verdade? Ou será que não acredita que o Ritual prescrito pela Igreja seja um instrumento eficaz para isso?

De qualquer modo, a revelação do Pe. Amorth parece bem embasada. São as palavras do Pe. Fortea que me parecem muito temerárias, principalmente me tempos como os nossos de crise, quando ele diz que “nosso Colégio Cardinalício […] é o mais edificante e virtuoso que a História já conheceu” ou que “os cardeais são melhores ou piores, mas todos têm reta intenção e buscam a glória de Deus”. Todos? Será que isto inclui, por exemplo, o Cardeal Kasper que prefere um consenso fabricado com hereges a condenar seus erros, que deformam e escondem a Glória de Deus, revelada claramente pela Igreja Católica? Mas ainda tem mais no blog do Pe. Fortea:

Aunque ahora que lo pienso sí que hay un purpurado que me miró de un modo un poco torvo un día que pasaba por la Piazza Navona, y su nariz era aguileña como la de algunas ilustraciones decimonónicas.
[Se bem que agora, pensando melhor, há um purpurado que me olhou de um modo um pouco pavoroso um dia que passava pela Piazza Navona, e seu nariz era adunco como de algumas ilustrações do século XIX].

O Pe. Fortea termina a postagem em seu blog com essa piadinha. Deve ser comentado que não há nada para brincar, principalmente levando em consideração que hoje há uma atitude muito comum de as pessoas rejeitarem tudo o que não é amplamente noticiado como se fossem coisas absurdas. Esta atitude inclui a ironia ao tratar do assunto, como se ele não fosse digno nem mesmo de ser examinado com seriedade. É claro que esta é uma atitude estúpida, principalmente se levarmos em consideração o seguinte: se antes mesmo do Concílio Vaticano II já haviam comunistas e maçons infiltrados na Igreja, por que não haveria a mesma infiltração por forças que vêm “mais de baixo” e que têm um interesse maior em destruir a Igreja?

Todas estas questões ficariam sem uma resposta, mesmo uma que fosse apenas hipotética, pois eu já estava saindo do blog do padre espanhol quando esta postagem me chamou a atenção. Na postagem o Pe. Fortea deixa entrever uma certa influência do progressismo no modo de pensar e – principalmente – no de sentir.

Talvez isto explique os elogios ao atual Colégio Cardinalício, ou a preocupação em ironizar de modo infantil algo que o Pe. Fortea no fundo talvez tenha medo que seja verdade. Mas acima de tudo explica porque devemos dar ouvidos a pessoas como o Pe. Amorth, que não têm medo de enfrentar o senso comum para lembrar ao mundo de uma verdade da qual ele está há muito esquecido.

24 opiniões sobre “Satanismo no Vaticano

  1. Que bom ver novamente o blog na ativa!

    Muito boas as observações, também acompanhei o caso com pesar!

    Há alguns dias escrevi um texto em minha comunidade no orkut, na verdade mais um desabafo, depois de ler o assunto, e o reproduzo aqui:

    erá que nossos maiores inimigos são mesmos os protestantes?
    .
    Amigos,
    .
    Acabei de ler a matéria do Padre Amorth o exorcista mais respeitado do Vaticano, que denuncia a infiltração de Satanistas na Santa Igreja:http://fratresinunum.com/2010/03/02/o-exorcista-padre-amorth-denuncia-%C2%ABdentro-do-vaticano-tambem-ha-satanistas%C2%BB/
    .
    Muitos me perguntam porque não mais me viram debatendo com protestantes, mas sempre estou debatendo com Católicos.
    .
    Não abandonei o debate com protestantes, mas dei um tempo, um descanço e penso que merecido, depois de tanto combate. Perdi um pouco da empolgação para debater com os hereges e partir a debater com Católicos justamente por fatos como o desse artigo citado.
    .
    Ora que inimigo é maior do que aquele que está dentro da Igreja? Desviando almas da Fé verdadeira? Ensinando heresias e dizendo que o diabo e o inferno não existem?
    .
    Ora como posso dedicar toda minha luta contra os hereges enquanto a fé está sendo combatida por cavalos de tróias?
    .
    Na verdade esse é um desabafo de alguém que tenta combater as heresias quando elas a cada dia nasce em nosso meio!
    .
    Sinceramente fico a pensar como agir, a quem devo enfrentar, para onde direcionar “o bom combate da fé”?
    .
    Essa história da infiltração não é de hoje, Santanistas e maçons nos combate a tempos e existem grandes evidencias de suas influências no CVII, mas é claro é tudo delírio de um tradicionalista com mania de conspiração…

    Pax et bonvs!

    • Caríssimo Jefferson, Laudetur Dominus!

      Isso de diminuir o debate com os protestantes para intensificá-los contra os “lobos em pele de cordeiro” foi mais ou menos o que aconteceu comigo há dois ou três anos atrás, motivado principalmente pela minha longa convivência com a Pastoral da Juventude, que é meramente o reduto de doutrinação marxista dos jovens dentro da Igreja. Quando percebi que o que ensinavam era errado, que eles não sabiam responder meus questionamentos e que eles mesmo assim davam de ombros e continuavam ensinando os mesmos erros, como se eles não tivessem sido questionados, vi que era necessário lutar “dentro dos muros”.

      Eu estou entre os que acreditam que as influências do “submundo” no CVII que você citou não são apenas coisa da cabeça dos tradicionalistas. Mas acredito que eu seja um dos poucos a alertar para o fato de que isso vem de muito antes do CVII. A guerra travada por São Pio X não foi o clímax de um período, foi apenas o sinal de algo maior. Alguns tradicionalistas e conservadores ainda hoje cometem o erro de achar que as medidas tomadas por São Pio X conseguiram extirpar o problema. Essas medidas são ainda hoje o único remédio, mas é um remédio que não foi utilizado por aqueles que deviam ministrá-lo em tempo de evitar a crise.

      Pax et Salutis

  2. Realmente a guerra que os Maçons move contra a Santa Igreja vem desde seu surgimento e em tese até de antes, pois tão guerra não surgiu do nada, mas foi a tradução de gerações de inimigos que na verdade apenas se organizaram.

    Acehi um citação bastante interessante:

    BIOGRAFIA DO PADRE SÃO MAXIMILIANO KOLBE:
    .
    “Naquele dia de 1917, estava também um jovem seminarista polonês na Praça de São Pedro, Maximiliano Kolbe,, quando um grupo de maçons – que celebravam os 200 anos da fundação da Grande Loja – abriu uma faixa onde estava escrito: “Satanás reinará no Vaticano, e o Papa será seu escravo”.
    (A. Socci, Il Quarto Segreto, Rizzoli, quinta edição, Fevereiro de 2007, p. 179).
    .
    Também já ouvi que os maçons já desfilaram com a imagem de São Miguel sendo pisada pelo demônio, tem alguma fonte histórica disso?

    Pax et bonvs!

  3. Prezado Captare, salve Maria!

    Uma coisa: Tbm fiz parte da Pastoral da Juventude e tive doutrinação marxista… 5 anos no lixo.

    Sobre o Pe. Amorth, eu acredito em tudo o que ele diz, eu li a reportagem no mesmo dia e confio nele. Ele é padre ‘mesmo’, se é que vc me entende,hehehehe

    Sobre a influência do ‘sub-mundo’ no Vaticano II, eu tenho certeza disso tbm. Aliás, no áudio do Pe. Paulo Ricardo com o Olavo de Carvalho, ele deixa isso bem claro, quando diz que o Vaticano II quis ‘amar o mundo’, e isso só pode ser coisa do sub-mundo mesmo.

    Paz e Bem!

  4. Pingback: O colégio cardinalício “virtuoso” de Pe. Fortea « Deus o quer!!! – Captare's Battle Site

  5. Um padre exorcista, que conheci em Roma me contou a seguinte história:
    São Francisco de Assis foi chamado a socorrer um monge que estava completamente dominado por inúmeros demônios.
    Quando chegou ao mosteiro percebeu que este estava infestado de demônios.
    Da colina, onde estava situado o mosteiro, avistava-se a cidade. Porém só viu um demônio a sobrevoá-la.
    Durante o exorcismo constrangeu o chefe dos demônios a lhe explicar o porquê daquela disparidade.
    O demônio então respondeu:
    “Para dar conta do povo da cidade só é preciso um demônio, mas para perder as almas destes monges precisamos ser muitos.”
    Seria ingênuo imaginar que cardeais não são vítimas de ataques diabólicos.
    Fiz um retiro recentemente no Mosteiro de São Bento e fiquei impressionada com a quantidade de demônios que lá estavam.
    Pobres monges. São tão tentados.
    Veja o caso de Ângelo Balducci, um homem tão atacado, que se transformou em motivo de escândalo e zombaria.
    Não há dúvidas que este homem ama a Igreja e por isso foi tentado e se transformou numa abominação.
    É aquela velha história: “O diabo tem sete capas, com seis ele te cobre e com a última ele te descobre”.
    Para escárnio público!
    Se Ângelo Balducci tivesse reconhecido o ataque e procurado um padre exorcista para se livrar da vexação não teria sucumbido ao pecado da sodomia.
    Malachi Martin fala sobre a “entronização do Arcanjo Lúcifer” que ocorreu numa das principais capelas do Vaticano.
    (Resenha do livro @ http://www.montfort.org.br/index.php?secao=cadernos&subsecao=religiao&artigo=casa_varrida_ventos&lang=bra)
    O Diabo é um perdedor e por isso trabalha sempre escondido.
    Se fosse realmente poderoso agiria acintosamente pois é orgulhoso.
    Quando reconhecemos sua influência em nossos pensamentos e emoções é tão fácil eliminá-lo.
    Nosso Senhor nos deixou todas as armas: seu Santo Nome,a Eucaristia, o Sacramento da Confissão, sua Mãe Santíssima com seu Rosário…
    Fico realmente chateada com Padre Fortea, pois devemos instruir a todos para reconhecer o inimigo e guerrear contra ele, pois a vitória é garantida.
    Nunca ignorar sua presença!

    • Prezada Carmen Carolina, Laudetur Dominus!

      Seja bem-vinda ao Battle Site!

      Isso que você diz sobre o Diabo agir escondido por ser uma perdedor é muito interessante! E é um ótimo argumento àqueles que duvidam da capacidade do homem de resistir-lhe.

      O seguinte recho do seu comentário me deixou bastante curioso: “Fiz um retiro recentemente no Mosteiro de São Bento e fiquei impressionada com a quantidade de demônios que lá estavam.”

      Você tem conhecimento dos demônios presentes no local onde você está? Como isto se dá? Foi por isso que você decidiu trabalhar como voluntária com o Pe. Nelson Rabelo?

      Pax et Salutis

    • Caríssimo Captare,
      Após alguns anos trabalhando com Pe. Nelson, o Espírito Santo foi me capacitando a perceber estas “presenças”.
      É muito útil quando visito as casas dos possessos, principalmente na busca de objetos infestados.
      Algumas pessoas, como um monge que estava no mosteiro, têm esta percepção tão aguçada que chegam a ver e ouvir estas criaturas.
      Pela primeira vez, junto com ele, cheguei a escutá-los. Não foi nada agradável e, apesar de não temê-los, ficamos literalmente arrepiados.
      Com certeza, este jovem monge será um grande padre exorcista.
      Percebi que Nosso senhor Jesus Cristo havia me enviado ao mosteiro simplesmente para conhecê-lo.
      Gostaria que você rezasse por ele, pois é destemido e empolgado.
      Precisamos que se ordene rápido, pois pe. Nelson está muito idoso e pe. Geovanne na Catedral não tem mais horário para atendimento pelos próximos três meses.
      Peço a Deus que nunca me deixe vê-los, pois definitivamente, pelas descrições dos que possuem esta habilidade, eles são asquerosos e detestáveis.
      Hoje, por exemplo, na Igreja de Santana, tivemos de ficar por mais de duas horas, após o término da oração coletiva, com uma jovem infestada por inúmeros demônios.
      Faltam padres exorcistas nas paróquias.Esta moça, por exemplo, veio de Cabo Frio.
      Leia a reportagem de capa da última Isto É.
      Será verdade que o Santo Padre vai montar um exército de exorcistas?
      Fiquei feliz com os esclarecimentos a população, embora contenha erros, como a afirmação de que o pe. Nelson está em desobediência. Já tivemos orações coletivas numa capela e Dom Orani celebrando na nave central.Bastava, então, que ele puxasse nossas orelhas, não é?

      Pax e Salutis

  6. A instituição denominada “IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA” está envolvida diariamente com escândalos de várias naturezas, principalmente no que diz respeito aos abusos sexuais contra crianças, adolescentes e mulheres. Não creio que nesta instituição religiosa tenha Deus entre seus sacerdotes porque o que eles têm feito até Satanás se surpreende. O Papa é o mais cínico de todos eles e além disso é omisso e hipócrita. Todos esses escândalos que existem na igreja católica o Papa Bento XVI tinha conhecimento pois antes de ser o papa era o corregedor dessa instituição há tempos. Acontece que seus auxiliares tem a todo custo blindá-lo com mentiras, entretanto esquecem que Deus tem o poder de saber todas as patifarias e safadezas que eles têm cometido e o inferno está aguardando todos eles inclusive, o Papa hipócrita e omisso.

  7. Satanás existe como também o inferno e é pra lá que irão todos aqueles que vivem a mentir para o povo de Deus pregando pelo mundo a fora o evangelho dos dogmas e das “santas tradições da igreja”, os quais não têm nenhum embasamento bíblico. O Maior interessado na questão da não existência do Demônio e o inferno é o próprio Demônio. Ora, se você está convencido de que ambos não existem é muito fácil para o Demônio ganhar você. Você fica desarmado, vulnerável e assim passará a fazer tudo aquilo que te leva para junto dele. Essa idéia da não existência do Demônio e do Inferno é uma doutrina do próprio inimigo de Deus espalhada pelos seus anjos, ou seja, aqueles que acreditam não sua inexistência. Mas o Vaticano está totalmente corrompido por Satanás uma vez que eles perderam a identidade com o verdadeiro Evangelho de Jesus Cristo. É de lá de onde tem saído as doutrinas heréticas, abomináveis da idolatria e assim o espírito da MALDIÇÃO tem adentrado em seus corações e hoje o que o mundo todo tem visto são escândalos: pedofilia, sodomia, homossexualismo, estupros e toda espécie de coisas abomináveis. Dentro de cada ídolos deles existe um demônio habitando dentro. Mas o fim de tudo isso só acontecerá com a segunda vida de Jesus Cristo, Juízo Final, onde o Falso Profeta será julgado juntamente com os seus auxiliares.

    • Prezado Francisco Aragão, Laudetur Dominus!

      Seja bem vindo ao Battle Site!

      Quanto rancor no seu coração, pequenino! :)

      Olha, Nosso Senhor ordenou que nós não julgássemos pela aparência, para não sermos julgados do mesmo modo. E não foi a “instituição denominada ‘IGREJA CATÓLICA APÓSTÓLICA ROMANA’” que inventou isso. Isso está na bíblia! Veja lá: está em Mt 7:1, em Lc 6:37 e em Jo 7:24. Digo que você julga pela aparência pois você apenas repete sem discernimento o que vê em um ou outro jornal por aí, e ignora que os escândalos que acontecem na Santa Romana Igreja são ínfimos em relação aos que acontecem fora dela. Por exemplo, a pedofilia. Ela também existe entre pastores “evangélicos” e eles podem se casar. Os casos de pedofilia são infinitamente maiores entre militantes de ONGs filiadas à ONU, mas você não se horroriza tanto com isso, não é mesmo? Afinal, você não vê nenhum jornal atacando e perseguindo a ONU.

      Além do mais, você acusa o nosso papa de ser cínico. Não faça isso, pois seria o mesmo que eu acusar você de ser satanista por você estar perseguindo o papa, os sacerdotes católicos e a “instituição denominada ‘IGREJA CATÓLICA APÓSTÓLICA ROMANA’”. Assim como eu não te conheço para dizer uma coisa dessas, você não conhece o papa. Também não creio que você leia pensamentos através de imagens na televisão. Deixe o rancor de lado e não seja intolerante.

      Não sei o que você tem contra dogmas, pois você também acredita em uma porção deles, afinal você acredita que “Deus é bom”, que “a Bíblia é a Palavra de Deus”, que “só em Jesus Cristo alguém pode se salvar”, e estas coisas todas são dogmas, pois são todas verdades de fé. Eu também acredito em todas estas coisas, mas eu não tenho preconceito nenhum em admitir que acredito em dogmas, pois é o que estas sentenças são. Quanto às “santas tradições da [I]greja”, estes escândalos que de vez em quando aparecem na mídia só acontecem porque estas pessoas abandonaram as tradições da Igreja que ensinam a praticar as santas virtudes evangélicas, ensinam a mortificar a carne afim de evitar o pecado, etc. A prova disso é que a maioria esmagadora desses padres imorais são progressistas, não são os tradicionais.

      Eu não sei o que você quer dizer quando fala que “o Vaticano está totalmente corrompido”, que “eles perderam a identidade com o verdadeiro Evangelho” e nem quando você fala sobre idolatria. Você não pode estar falando sobre o culto de veneração aos santos, pois há tanto material em sites de apologética provando o embasamento bíblico e até na Igreja Primitiva disto, que só continua falando sobre idolatria quem está muito obstinado em sua ignorância. Mesmo assim, se você quiser, nós podemos conversar sobre isso e eu te mostro o embasamento bíblico e histórico disso. Só peço que evite fazer isto aqui nos comentários e que me procure no meu e-mail, pois um diálogo deste tipo faria os comentários ficarem muito grandes.

      Você me parece uma pessoa que tem zelo pela verdade, e que procura mostrar o erro para que as pessoas o evitem ou saiam dele. Deixe-me te dar um conselho quanto a isso: pare de repetir slogans como “a Igreja Católica se afastou do evangelho”, “os católicos praticam a idolatria”, “os dogmas católicos não têm embasamento bíblico”, e comece a pensar por si mesmo. E aí você verá o quanto você irá ganhar em conhecimento da verdade e verá que você e todos à sua volta se beneficiaram muito com isso.

      Pax et Salutis

  8. A medalha Milagrosa, o terço, a medalha de São Bento, uma estátua de Nossa Senhora, um crucifixo contendo Nosso Senhor, imagens do Sagrado Coração e do Imaculado Coração, TUDO DEVIDAMENTE BENTO por um padre fazem os demônios gritarem e espernearem.
    Sal exorcizado, água benta e azeite são muito eficazes.
    Tudo bem baratinho, o que fere profundamente o orgulho dos demônios.
    Porém, já encontrei imagens de Nossa Senhora infestadas de demônios.
    Quando as quebramos continham sementes, cera de velas, ervas etc. Haviam sido “energizadas” na macumba e presenteadas. Verdadeiros “presentes de grego”.
    Como também encontramos muitos brinquedos infestados: robozinhos, monstrinhos etc…
    Quando a Bíblia fala em ídolos, estes eram estátuas “energizadas” em rituais para demõnios específicos como Mamon ( do dinheiro ), Moloch, etc.
    Muitos destes ídolos eram fabricados com partes humanas e certos “deuses familiares” eram feitos com bebês natimortos.Nojento!!!

    • oie
      kerida explike mais sobre este assunto
      isso eh muito importante..as vezes podemos ter imagens assim infestadas sem saber dentro de nossas casas…perigoso!
      este assunto eh importante e deve ser mais comentado!!
      temos q combater o inimigo e nao podemos ficar alienados…
      tenho q ter todos ou so uma medalha de Sao Bento por exemplo?
      vc tem site?
      brigada!

    • Querida Claudinha,
      Para acessar meu blog basta clicar no meu nome.
      Padre Nelson Rabelo ( exorcista ), sempre recomenda que tenhamos em cada aposento um crucifixo e uma imagem de Nossa Senhora, BENZIDOS POR UM PADRE.
      Na sala, as imagens do Sagrado Coração de Jesus e do Imaculado Coração de Maria (BENTOS) e entronizados.
      Na portas de entrada, a medalha de São Bento (BENTA).
      Para meu uso pessoal,costumo alternar a Medalha Milagrosa (BENTA) e um magnífico terço italiano que ganhei e que foi benzido pelo falecido exorcista Pe. Amantini.
      Devemos sempre jogar água benta exorcizada pela casa misturada a cinco pitadas de sal exorcizado em honra das cinco chagas de Cristo.
      Feliz Páscoa!

  9. Parem de ser idiotas!Servem deuses estranhos, demônios na verdade,Nossa Senhora ou Diana, mesma coisa, parem de seresm hipócritas como os fariseus, ah como eu tenho dó de vocês, pensam expulsar os demônios, mas você são quem mais os servem.
    Quando aprenderem a diferença da escuridão e da sombra, poderão compreender além do que compreendem.
    Vocês veem os demônios nos pentagramas e nas roupas negras, mas eles estão debaixo da Luz, e são adorados como deuses e santos.
    Vocês não acham que santos fazem milagres né?Teu próprio Deus disse que adorar outros era abominação.Adorem suas madeiras e esculturas.Eu falo isso porque sei que voces não vão mudar.Estarão comigo na Eternidade do lago de Fogo.
    Satanás não é perdedor..Os planos deles são diferentes.Você não disse que a maior astúcia dele é fingir que não existe?Então ele deve agir no Oculto, não a vista de todos.
    Agora vão adorar suas estátuas, pois elas te ouvem, mas servem ao meu deus que se chama Lucifér.

    • Prezado satanista protestante, Laudetur Dominus!

      Que comentário mais estranho! Um satanista que tem idéias iguais a dos protestantes? Exatamente as mesmas idéias erradas? Esquisito, muito esquisito…

      Além deste detalhe curioso, seu comentário não faz o menor sentido, nem nas partes, nem no todo. Aprenda a escrever primeiro, depois dê sua opinião na internet. Ou as pessoas que te lerem vão pensar que você é um ignorante muito metido a besta. Além de um covarde que se esconde no anonimato.

      Vou rezar para que Deus te liberte deste monte de bobagens com as quais está envolvido.

      Pax et Salutis

  10. sim padre e a aquisiçao que a igreja caotica praticou na idade media??deixem de ser idiotas atacando outrs religioes como os protestantismoe vao ler a biblia qu te deixara perto de jesus…e a permissao que o papa da epoca conscedeu a divesos monstros para”subjulgarem”os escravos capturados na africa???bando de vagabundos racistas pedofilos mediocres burros alienados viadinhos

    • Prezado Leandro Cerqueira, Laudetur Dominus!

      Seja bem-vindo ao Battle Site!

      Não é “aquisição” e sim “inquisição”. “Concedeu” não tem “s”. “Subjugarem” não tem “l”. A inquisição não foi nenhum problema. Essa história do papa não aconteceu. Antes de comentar na internet aprenda a escrever e estude história. Aprenda a pensar também. Ignorância e estupidez infelizmente não dão cadeia. Mas fica muito humilhante, de qualquer jeito, ler coisas como essas acima…

      Vou deixar esses insultos publicados para os leitores verem o baixo nível de gente que vem aqui defender o protestantismo.

      Pax et Salutis
      Captare

  11. Acho que o diabo existe e quem não acredita já está sob seu jugo, embasado em tudo que já li sobre satanismo, exorcismo,etc. A IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA foi a única deixada por Jesus Cristo e os Santos são uma ponte que nos liga a JESUS somente isso eles não realizam milagres como alguns dizem. JESUS disse : sobre essa pedra edificarei a minha Igreja, pois então estão fazendo de tudo para acabar com essa Igreja. Como diz Prof. Felipe Aquino O exército inteiro de Roma se curvou diante da CRUZ não me recordo em que época da história e esse dia vai chegar novamente, podem esperar e CRISTO voltará triunfante cheio de glória para ressuscitar vivos e mortos e fazer justiça, falem o que quiser esse monte de prosopopéia flácida contra o PAPA e a IGREJA, saibam que responderão por isso no fogo do INFERNO seus tolos, mudem de idéia pois há tempo e não fiquem com teorias idiotas que não agregam nada, tenho pena de vcs.

    • Prezada Rita de Cássia, Laudetur Dominus!

      Seja bem vinda ao Battle Site!

      Não entendi muito bem seu comentário. De quem você tem pena? Quem são os tolos que ficam com teorias idiotas? Vale perguntar: Você leu o artigo com atenção? Você sabe ler?

      Como não entendi muito bem do que você está falando e nem de quem, vou comentar as coisas que você disse no contexto que me parece ter sido o pretendido por você.

      Primeiro, você pode acreditar na existência do diabo ou saber que ele existe. Achar ou deixar de achar não tem importância nenhuma. Opiniões pessoais não têm nenhuma importância quando se trata de assuntos religiosos.

      Segundo, não há teorias ou prosopopéias flacidas (!) neste artigo. Há o relato de um padre respeitadíssimo na Igreja, há o comentário de outro padre respeitadíssimo ao relato do primeiro padre, e há o comentário do autor do artigo (que sou eu, a propósito). É por isso, aliás que pérguntei se você leu o artigo, pois parece que o entendeu errado.

      Terceiro, não há nada contra o papa e contra a Igreja neste artigo. Não se trata de criticar o papa e muito menos a Igreja, pelo contrário: se trata de defender a Igreja contra os inimigos que estão infiltrados dentro dela! Se trata de alertar os fiéis para que muitas almas não se percam sob a orientação contrária aos ensinamentos de Nosso Senhor dada por estes satanistas disfarçados. Não dá pra enfiar a cabeça na terra como um avestruz e fingir que a Igreja está vivendo uma situação normal.

      O que vou dizer agora é uma sugestão de amigo, de quem já participa há um tempo destes debates na internet: não “jogue” simplesmente seus palpites por aí e saia correndo. Procure ser mais clara nas suas intenções, pois além do artigo, muita gente comentou com várias opiniões diferentes. Do jeito que você fala não dá nem pra saber com quem você está falando. Se você acha que o autor desse artigo (que sou eu, diga-se de passagem) é um tolo, diga: “O autor desse artigo é um tolo! Esse Captare é um indivíduo cheio de prosopopéias flácidas para acalentar bovinos!” (hehehe) Se você acha que o padre Fortea é um tolo (como eu mesmo acho), diga: “O Padre Fortea é um tolo!” Se você acha que tanto o autor do artigo (que sou eu mesmo, não custa lembrar), quanto os dois padres citados no artigo são tolos diga: “Esse tal de Captare e esses dois padres são três tolos!” Assim, se eu realmente for o tolo que você diz que eu sou, eu posso me emendar. Se eu não for, eu posso pelo menos me explicar. Tenha coragem e seja direta! Deus recompensa os corajosos!

      Pax et Salutis

  12. Todos os livros que li sobre exorcismo, aliás TODOS do Pe.Amorth, respeito muito TUDO o que ele escreve, simplesmente TUDO, acredito que hoje no mundo não tenha autoridade maior que ele, viva, que testemunhe exorcismos e ensine os outros padres e a cada dia me convenço mais que os outros padres deveriam respeitá-lo em vez de ficarem fazendo críticas ao que ele diz. Então como vê não fiz críticas à ele jamais. Agora não gostei de alguns comentários e já falei o que achei.Em relação a ter opinião própria em relação a religião acho relevante ter sim, como vou defender minha igreja se não tenho nada a falar sobre ela quando um espírita por ex vier me confrontar, o que pode acontecer ou de outras religiões, não concordo com vc. Não joguei palpite e saí correndo estou aqui, e não gostei do teor de sua resposta acho que foi muito grosseiro, por ser um padre (não custa lembrar) deveria dar o exemplo de respeito para com o próximo ou estou enganada e vc não é padre? Ah, só para constar: SEI LER, ESCREVER!!!!! Costumo respeitar autoridades em assuntos que não domino ou sou hierarquicamente inferior ou uma simples aprendiz. Enfim, caí nesse site por acaso, não resisti em colocar minha opinião, desculpe-me se fui mal interpretada mas me desligo aqui e peço ao sr que me retire de seus contatos e não envie-me e-mails particulares, acho que serviu de experiência, para eu saber onde enfio o nariz, e que a Igreja Católica está contaminada MESMO, temos que torcer por ela. A PAZ DE JESUS PARA TODOS OS QUE LEREM.

  13. Recebi seu e-mail agora pela manhã, então vc não é Padre?! Meu DEUS DO CÉU, e como pode falar assim com as pessoas? estamos todos no mesmo barco meu caro. Talvez o que nos diferencia é que vc está no ramo da internet a mais tempo que eu e tenha mais estudos teológicos e filosóficos que eu mas a vida também ensina e nessa eu sou doutoranda. Que contato vc tem com os Padres citados nesses artigos? Já falou pessoalmente com Pe. Amorth? E com o outro Pe.Fortea? Você sabia que o Santíssimo Padre Bento XVI deu total liberdade para o ministério do Pe.Amorth e disse que pretendia formar um exército de exorcistas? claro que sabe! Diante disso que não concordei com alguns comentários feitos no site no qual achava que vc era Padre e estava em contato com a cúria de Roma pelo jeito que responde aos e-maisl que recebe. Que imbecilidade a minha, mas continuo com minhas desculpas e só escrevi devido seu e-mail, que por sinal fiquei decepcionada.

  14. QUEM DUVIDA DA EXISTÊNCIA DO DEMÔNIO NÃO É CATÓLICO
    A vida de São Pio, perseguido pelo demônio e em nós a sugestionar o mal, cairmos em pecados, às vezes parecendo fugir ao controle, atesta a mais a veracidade de sua força a nos instigar para nosso lado frágil nas várias situações possíveis, especialmente nesse mundo atual racionalista muito sob seu domínio, favorecedor de suas ações ao desprezá-lo, senão ridicularizar a sua existência, crendo apenas no admitido pela ciência, facilitando sobremodo as incursões.
    Mas, sob a fé cristã, em algumas citações, Jesus fala sobre suas ações e do inferno pelo menos 11 vezes. E refere-se ainda o que é capaz de fazer: 2 Cor 11.14: Não é de se estranhar pois o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz, por conseguinte não é de surpreender que seus ministros em servidores da justiça. Em Mt 10.25: Belzebu; Demônio: Mt 4.12 e Lc 4.2 e Mc 1.13, como adversário. Em 1 Pd 5.8: Sede sóbrios e vigilantes! Eis que o vosso adversário, o diabo, vos rodeia como um leão a rugir, procurando a quem devorar.
    A esquerdista Teologia (heresia) da Libertação – TL- de teologia apenas aparências, nega-o: é materialista e atéia, uma de seus propagandistas; aprova o aborto, feminismo, uniões gays, gltbs, eutanásia, seitas, espiritismo, superstições, etc., são das diversas facetas com que o diabo se apresenta a relativizar e extirpar a fé da Igreja-Cristo na sua oculta ação.
    O melhor presente é negar-lhe a existência; disporá de mais tempo para cuidar de outros, afinal, esse já é de casa.
    No mundo atual o ambiente lhe é favorável: crêem mais nas ideologias, cientificismos e tecnologias, até descartando a idéia de necessidade Deus, em evidentes orgulho e soberba de se julgarem auto suficientes.
    Interessante é isso grassar em todos os níveis, abarcando diversas correntes doutrinárias, como religiões provindas do Oriente, em que o homem se liberta por auto conhecimento por exercícios meditacionais, tornando-se espécie de semi deus, integrado ao mesmo – panteísmo e deísmo subjetivista – bastando desenvolver-se; assemelha-se com a proposta de espiritismo de auto purificar por reencarnações seguidas. São as satânicas posições adotadas pela “Nova Era” e o modernismo em sua diversidade esoterista; há, por outro lado, supostas seitas evangélicas demonistas: vê-o em tudo e vivem a exorcizá-lo das pessoas. Detalhe: ao adoecer, um pastor não convoca o outro para procedê-lo em si; vai ao médico; exorcismos, só nos outros…
    Pior será ao fim existêncial a terrível surpresa: receberá pessoalmente do demônio o prêmio pelo descrédito, ao cair-lhe em suas armadilhas em vida de descrédito de sua ação, recebendo-o como troféu e o ter junto a si pela eternidade afora…
    Quanto a satanismo e mais irregularidades dentro do Vaticano, há infiltrações desde a década de 30 por Stálin e Internacional Socialista – denúncias Bella Dodd e Yuri Bezmenov e muitos mais., – de toda e quaisquer mazelas para tentar destruir a credibilidade da fé por falsos membros, no intuito de implodir a Igreja; Porém, Mt 16.18…

  15. A NOVA ORDEM MUNDIAL – NWO: ELOS COM A MAÇONARIA, PROTESTANTISMO, SOCIAL/COMUNISMO-TL, GNOSTICISMO E ESOTERISMOS E AVERSÃO À IGREJA CATÓLICA.
    A Nova Ordem Mundial, NWO, Nova Era, neo-ateísmo, também conhecida por “Illuminati” identifica-se por primeiro com a maçonaria e anexos ocultistas e os acima seguintes dentre mais, procedendo de judeus que absorveram religiões oriundas do antigo Egito, Babilônia, druidas, etc., e dividades pagãs da antiguidade; por ex., na cédula do dólar há referências às suas crenças, como o olho de Hórus e a recém finda Olimpíada de Londres apresentou-lhe muitas facetas e apresentação oficial simbológica ao mundo e seus elos nas extensas ramificações esotero-satanistas, como portadora de suas mensagens e novo reino, o do anti Cristo.

    A NWO-maçonaria vem perpetuando-se pelos séculos; infiltrou-se na Ordem dos Templários e aparentemente destruída, ressurge da clandestinidade no séc. XVI patrocinando a Reforma Protestante, a Revolução Francesa, o Iluminismo, e no séc. XIX aos primeiros movimentos revolucionários globais, reproduzidos por disseminação de partidos comunistas em muitos países, e aqui como PT, PDT, PSTU etc.; enfraqueceram-se em parte do século XX, ressurgindo eficientes com novo método de ação, agindo por “Marxismo Cultural, infiltração interna na Igreja gerando subfrutos, como a esquerdista Teologia da Libertação”, ensinando a doutrina da Igreja socializada ou distorcida; tem se solidificado à atualidade pela subversão e conversão a seus valores de multidões imensas pelas estratégias citadas.

    Note-se que a NWO expande-se proporcionalmente às apostasias na Igreja, daí o crescimento geral da iniquidade e destruição de seus valores ético-moral-religiosos perpetrados até por membros hierárquicos dissidentes e partidos comunistas, eleitos até por católicos já alienados ou subvertidos por ideologias socialistas.

    Porém, apesar de uma sutilíssima infernal cilada, as massas domesticadas não o percebem mais; aplicam-se-lhes lavagens cerebrais de múltiplas maneiras, fazendo-as sorver mortais venenos sob espécies de adocicados confeitos e lisonjeadores do ego pessoal, fruto de laboratórios de engenharia social e experts em perversão e controle das mentes das massas.

    Os conteúdos usados pelos neo doutrinadores são abrangentes e relativizantes: a mídia geral ideologizada, o superevidenciar o progresso das ciências e técnicas, as propagadas e instigadas diversões e incentivos aos esportes para distrair o povo, a educação escolar ideologizada para manter as mentes sob controle, filmes estilos Harry Potter, Anime Naruto, galáxicos libertadores e outros idênticos, repletos de mensagens subliminares satanistas, a criação de milhares de seitas esotéricas e pentecostalistas protestantes, mesmo na Igreja o pentecostalismo de certos grupos autonomistas RCCs, as insufladas insubordinações internas contra a autoridade única do S Padre com pretensões de compartilhamento de poder, as publicações literárias infantis recheadas de mensagens subliminares ocultistas, instigando-as desde tenra idade ao esoterismo; tudo o citado são apenas partes de um imenso todo, preparando cada homem para endeusar-se, substituindo ao Senhor Deus verdadeiro; mostram que há técnicas e métodos para tudo dominar com a tecnologia e a ciência, dispensando a Deus.

    De como sabem exercitar e se aproveitar da parte frágil do ser humano: a forte tendência ao egoísmo, orgulho e soberba…

    Para não nos submergirmos, oremos e confiemos em nosso S Padre apenas e nos que o representam na tradicional doutrina patrística-bíblica da Igreja, refutando os acima e “progressistas” da esquerdista TL comunista e anárquica; assim estaremo seguros na Barca de Pedro, com Jesus Cristo e Maria.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s