Uma guerreira recua…

Anteontem foi um dia muito triste para todos aqueles que lutam pela liberdade religiosa, pela liberdade de expressão, pela democracia e pela igualdade! Pois desde aquele dia, está publicado no Mídia Sem Máscara, um Comunicado da doutora Rozangela Justino, psicóloga, à sociedade brasileira. Neste comunicado, a doutora declara que está interrompendo a assistência que ela vinha dando a pessoas que voluntariamente procuravam sua ajuda para deixar a homossexualidade.

Dra. Rozangela é um ícone na luta contra o terrorismo politicamente correto, pois mesmo com a sanha ditatorial da censura que associações ativistas gays vêm tentando impor à nossa linguagem, às nossas famílias, e até as nossas Igrejas (e pelo visto, agora aos nossos psicólogos), ela continuava ajudando pessoas que não se sentiam felizes com seu comportamento sexual, e que não se satisfaziam com uma militância irracional que tentava incutir-lhes que eles “simplesmente eram assim”.

Mas ela foi traída, e a punhalada derradeira veio justamente da sociedade que devia lhe dar apoio, ela como membro participante, e que não havia violado nenhum código até então. Como ela diz no comunicado, o Conselho Federal de Psicologia resolveu puní-la, apesar do que dizia a Organização Mundial de Saúde na CID 10, segundo a doutora, publicação oficial daquela organização.

Uma pessoa pode agüentar, em seu ambiente de trabalho, a pressão de lidar com colegas, e até mesmo com superiores que discordam de suas idéias ou métodos. Mas ninguém em sã consciência colocaria a sua vida, sua segurança e o cuidado de seus familiares em risco. E a Dra. Rozangela, conforme o comunicado, foi ameaçada de morte e teve suspensa a permissão de trabalhar, sendo ainda ameaçada de ter seu registro cassado!

Não há palavra para descrever o que está em curso melhor do que terrorismo! E isso eu já tinha apontado em uma postagem anterior. O que me espanta não é o terrorismo, pois ele é um método que é considerado válido por ativistas revolucionários de todas as extirpes. O que me espanta é que a sociedade em geral não sinta nem ao menos a curiosidade acerca de pontos flagrantemente estúpidos em toda a questão do homossexualismo, como a aceitação passiva do termo “homofobia” (que além de ser uma burrice, é um censura verbal forjada para amordaçar pessoas), a perseguição aos religiosos que está sendo imposta por lei (PLC 122/2006) quando toda a modernidade clama pela liberdade religiosa (principalmente dos muçulmanos e dos macumbeiros) e até mesmo a acusação de preconceito numa sociedade onde todos tem acesso a infomação acerca do que seja o homossexualismo!

É lamentável que existam poucos ainda como a dra. Rozangela! E mais lamentável ainda é que, justamente por serem poucos, esta guerreira tenha sido obrigada, por ameaças à sua vida e à sua liberdade para trabalhar, a jogar a toalha.

Parece que quando eu falo que vivemos tempos sombrios, muitos aqui pensam que se trata de força-de-expressão, ou apenas mais uma das minhas excentricidades. O comunicado aqui referido e esta denuncia, são provas mais do que contundentes de que o silêncio daqueles que se calam diante de coisas como essa é um silêncio cúmplice, e cúmplice de terrorismo!

Rezemos pela Dra. Rozangela e pelas almas daqueles que nem tentam reagir…

Update: No blog Miguel com seus anjos, há mais uma denúncia provando que é conversa mole essa história de que os ativistas gays não querem promover a perseguição religiosa. Passem lá e confiram!

6 opiniões sobre “Uma guerreira recua…

  1. É realmente uma pena, filhote. Mas é muito difícil lutar contra um sistema viciado onde o certo se torna errado e o errado se torna certo e os “justos” é que são condenados enquanto que os “pecadores” mais fortes e apoiados por este sistema saem vencedores. Só nos resta mesmo é orar e pedir a Deus que nunca desampare os justos.

  2. Meu nobre,
    Boa noite.
    Salve Maria.

    Aprecio sua apologética.
    Estava lendo o blog da Magdália e vi seu comentário por lá.
    Fiz questão de vir aqui visitá-lo.

    Que Deus abençoe sua luta e esforço neste sítio que você denominou de “Campo de Batalha”.

    Sigamos adiante.
    Ofereço minhas preces.

    In Corde Jesu
    Olegário.

    • Caro Olegário, Laudetur Dominus!

      Seja bem-vindo ao Battle Site!

      Obrigado por suas gentis palavras, que são fruto mais da sua caridade do que de um mérito meu! E agradeço muito mais por suas preces, que são o maior presente que alguém pode me oferecer, sinal de uma caridade singela e verdadeira!

      Deus abençoe a ti também! E a todos os que lutam pela Verdade!

      Pax et Salutis

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s