Encontro Jovem

(Aviso: Este post foi publicado no antigo Captare’s Battle Site. Portanto, muitas idéias aqui expressas podem não corresponder ao que penso atualmente, podendo até mesmo contradizer meu modo de pensar atual).


“When I was wandering in the desert
I was searching for the truth
I heard a choir of angels calling out my name!

I had the feeling that my life
Would never be the same again
I turned my face towards the barren sun!”
(Rainmaker – Iron Maiden
in Dance of Death)

Nesse último fim-de semana eu e O Andarilho participamos de um retiro religioso, direcionado para jovens, chamado EJAC(Encontro de Jovens que Amam a Cristo). Ele foi realizado na Paróquia Divina Misericórdia, no bairro de Vila Valqueire, aqui na cidade do Rio. Foi um retiro aberto, ou seja, nós íamos para lá no Sábado de manhã, ficávamos em retiro até a noite, voltávamos para casa para dormir, e íamos para a Igreja no Domingo, onde ficaríamos em retiro até a tarde, terminando com a Missa(é claro!).

Eu já participei de outros retiros antes, e nada melhor do que eles para reavivar o ânimo na busca pela Santidade. E, é claro, é sempre uma oportunidade de se aprender coisas novas e conhecer pessoas novas. Fora que sempre há momentos muito divertidos em retiros assim, como a dinâmica do “Feitiço contra o Feiticeiro” e a apresentação das equipes integrantes do retiro. E surpresas, sim, surpresas! Como a palestra do Padre Acácio, um padre bem jovem, que usou como exemplo a história do Senhor dos Anéis!”

Por isso, vamos hoje ressaltar a importância de se estar “no deserto” em retiro. Nós já falamos sobre se tirar um tempo para refletir(lembram da postagem da Quaresma?), mas esse tempo só se trona realmente eficaz se for dentro de um retiro, onde você tem ótimos meios de se desligar do mundo exterior e seus problemas(no EJAC por exemplo, não podíamos levar nem celular e nem relógio), onde você sempre aprende algo(geralmente esses retiros são recheados de palestras) e, é claro, onde você vai ter muito tempo pra conversar e refletir.

Mas você não deve ir de qualquer jeito a um retiro desses. Digo, interiormente. Tudo bem que você esteja precisando desse retiro, mas ele precisa muito mais de você. É, isso mesmo! O retiro precisa de você! Ele não pode fazer o revigoramento das suas forças sozinho. É necessário que se esteja de coração aberto, quer dizer, você deve estar disposto a estar dentro do clima das palestras, orações, dinâmicas, e o que quer que tenha no retiro. Muita coisa você pode achar estranho, mas você deve ter a consciência de que aquilo tem um propósito. Depois disso o retiro vai chocá-lo e tocá-lo de várias formas. E temos renovação!!!

Mas o principal é lembrar que, mesmo esses retiros, não acabam quando terminam as atividades(geralmente, eles terminam com uma Missa), mas eles se estendem até o ponto em que a lembrança perdura na mente. E melhor ainda, mesmo sem esses pequenos retiros programados, devemos fazer das surpresas da vida, das mudanças, grandes retiros não-programados! Estar abertos a participar das situações que nos acomentem sem muitas reservas, e principalmente ter a consciência de que elas têm um propósito que, na maioira das vezes nós não conseguimos enxergar, mas que ele existe e é bom!

Dito isto, aproveite, e renove-se o quanto quiser!!!

Captare – O Anjo Terrestre

*************

E>Olá!!!<3

E aê, galera angelical! Tudo bem contigos? Comigo está tudo caminhando. Estamos na reta final no curso de operadores de produção, da nova empresa . Tenho só mais uma semana lá. Boa notícia? Talvez. Parece que depois de lá meu destino vai ficar meio indefinido por uns meses. A unidade onde eu trabalho está em marcha lenta e enquanto as coisas não engrenam eu vou ter que fazer outros cursos, a maioria deles, em Vitória. Ou seja, mais períodos longe de casa… Mas tudo tem o seu propósito!

Lembram da Carine? Pois é, já acabou. Aliás, foi no dia seguinte ao da última postagem. O que houve? O de sempre: Ja tinha um cara na vida dela, com quem ela se envolveu antes de ficar comigo. O cara mandou flores e pediu ela em namoro. E ela aceitou. É… Tudo bem, eu não tou mal com isso, deve ter seu propósito também(hehe)….

Essa semana aconteceram duas coisas muito legais comigo também. Uma delas é que eu consegui comprar meu carro. Se vocês virem algum Palio Preto com um baixinho de cabelo pro alto no volante, pode ser eu. Então, cuidado ao atravessar a rua! A outra coisa que aconteceu é que depois de dois meses apenas estudando eu resolvi sair para a balada. Eu e meus colegas da empresa fomos numa boate na orla da praia chamada “Chez Mishow”. Além de dançar muito e com praticamente todas as garotas da nossa roda eu fiquei com a garota que tava sendo cobiçada por quase todos os rapazes que estavam sozinhos na roda. Foi uma noite e tanto!

Como vocês podem ver nessa postagem, eu participei de um retiro chamado EJAC. Foi muito bom! Me deu novo ânimo e novas idéias. Daqui a pouco eu estarei indo para o complemento dele na mesma paróquia.

Por hoje, é isso. Passem no Blog da “Sândalo Branco“, que teve um problema com a postagem, mas em breve deve estar com a postagem que deveria estar.

E>Até mais!!!<3
Captare

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s