Cena I

(Aviso: Este post foi publicado no antigo Captare’s Battle Site. Portanto, muitas idéias aqui expressas podem não corresponder ao que penso atualmente, podendo até mesmo contradizer meu modo de pensar atual).

(Floresta numa manhã cinzenta. Um rio com margens de terra e algumas pedras, forma uma grande clareira. Em uma das margens, sentado em uma pedra, de frente para o rio e de costas para as árvores, o Questionador dos Deuses parece distraído polindo a sua espada. Saindo das árvores o Anjo Terrestre se aproxima do questionador dos Deuses.)

ANJO TERRESTRE. Então quer dizer que é mesmo verdade?

QUESTIONADOR DOS DEUSES (Sem tirar os olhos da espada). O que é verdade?

ANJO TERRESTRE. Que ele vai ter que escolher entre um de nós dois algum dia?

QUESTIONADOR DOS DEUSES. Sim, é verdade. Algum dia essa escolha será inevitável.

ANJO TERRESTRE (Rodeando a pedra e parando do lado do Questionador dos Deuses, olhando o rio). E ele estará pronto para esta escolha?

QUESTIONADOR DOS DEUSES (Parando de polir a espada e olhando para o Anjo Terrestre). Não. Ele não estará pronto para esta escolha.

ANJO TERRESTRE (Surpreso. Olhando para o Questionador dos Deuses). E quando será isso?

QUESTIONADOR DOS DEUSES (Examinando seu reflexo na lâmina da espada). Provavelmente quando ele encontrar uma companheira que seja igual a um de nós. Então ele escolherá o outro para continuar a acompanhá-lo na guerra.

ANJO TERRESTRE. E o outro deixará de existir.

QUESTIONADOR DOS DEUSES (Olhando novamente nos olhos do Anjo Terrestre). O outro deixará de existir.

(Pausa. Os dois se olham fixamente com expressões sérias. Uma brisa brincando em seus cabelos.)

ANJO TERRESTRE (Olhando novamente para o rio). Isso irá prejudicar muito a identidade dele.

QUESTIONADOR DOS DEUSES (Ficando de pé na pedra com um movimento rápido, brandindo a espada no ar em direção ao rio várias vezes). Há!!! Olha só quem é que quer falar sobre identidade! Você pensava que era humano até o dia em que suas asas explodiram das suas costas!!! E você conseguiu viver perfeitamente até aquele dia!

ANJO TERRESTRE (Sentando no chão, de frente para o rio, abanando suas asas à frente e olhando para elas). Não falo simplesmente de sobrevivência. Falo de paz de espírito. De sentir-se completo. Para isso uma pessoa precisa de uma identidade. A SUA PRÓPRIA identidade. Até o dia em que eu descobri que era um Anjo eu vivia sempre com um vazio por dentro. Nada fazia sentido.

QUESTIONADOR DOS DEUSES. Mas no caso dele, ele suprirá a falta de um de nós com a sua companheira. Esse é o melhor modo de completar a si mesmo: Com alguém que se ama. Além do mais, não sei por que você está preocupado com isso. Você NÃO TEM medo de deixar de existir.

ANJO TERRESTRE (Olhando com um sorriso divertido para o Questionador dos Deuses). Nem você.

QUESTIONADOR DOS DEUSES. Então. O que importa é a vontade dele. E se no final ele vencerá a guerra. Apesar de eu estar com ele desde que nascemos, e você só o acompanhar há alguns anos, ele precisa de nós dois para vencer, apesar de todo o embaraço e inconveniente que os nossos conflitos causam. Pois apenas nós dois entendemos seus propósitos. E é por isso que ele está adiando a escolha. Mas eu acredito que, quando ele achar a companheira ele não terá mais desculpas para manter nós dois. E é claro que ele não estará preparado para tomar esta decisão, mas terá de tomá-la mesmo assim.

ANJO TERRESTRE (Ficando de pé e olhando para o rio novamente). E isso, é claro, pode causar uma série de problemas.

(O questionador dos Deuses, que também está olhando para o rio, apenas dá de ombros sem dizer nada. Um vento passa balançando as asas do Anjo Terrestre e os cabelos dos dois.)

ANJO TERRESTRE. Bom, ele me mandou chamar você. Amanhã estaremos partindo novamente. Parece que novos fragmentos da Verdade foram achados num reino próximo daqui. É um reino basicamente militar, então espere muita luta pela frente…

(Ao dizer isso o Anjo Terrestre sai, caminha um tempo e desaparece em meio às árvores. O questionador dos deuses olha para o céu durante um tempo com uma expressão melancólica e suspira. Então ele guarda sua espada na bainha, com o olhar fixo no rio, desce da pedra e sai andando em direção às árvores também.)

*************

E>Olá!!!<3

E aí, Anjos Terrestre? Parece que a partir de agora eu vou conseguir postar mais freqüentemente, talvez nem tanto quanto eu gostaria porque eu só gosto de postar quando pelo menos duas pessoas comentam. Então se vocês quiserem atualizações mais freqüentes uma ótima forma de estimular isso é comentando o mais rápido possível a última postagem.

Hoje eu tive algumas batalhas no mundo real, mas foram coisas do dia-a-dia, foram mais exercícios de paciência. Tive que regularizar a minha situação com a Receita Federal para poder pedir a segunda via do meu CPF (já faz uns dois meses que fui assaltado e esse é o único documento que eu ainda não consegui de volta), tive que ir no banco pedir outro cartão (o original também foi perdido no assalto, e o último que eu pedi eu não consegui ir buscar na agência), mas dessaq vez o cartão será mandado para a minha casa. Também fui no CEFET ver se eu entregava o meu relatório de estágio. Não consegui. Esqueci que ainda tava todo mundo de férias. DÂÂÂÂ!!! Bem, mas o meu estágio na STTR acabou ontem, e talvez eu seja efetivado na firma, amanhã eu vou ter que ir lá pra ver o que eu consigo resolver.

Na quinta-feira passada, eu reencontrei a Rafaela(Ela foi uma das pessoas homenageadas quando da criação deste site), uma amiga minha do CEFET que eu já não via fazia muito tempo, acho que mais de um ano. Nós fomos ver os treinos do campeonato de skate e patinação que aconteceu neste último fim-de-semana. Nós conversamos á beça! Foi muito bom porque além de colocar o papo em dia, eu pude desabafar um monte de coisas que eu não tava abrindo pra ninguém, e pude dar também algumas orientações sobre ataques espirituais a ela. Me admirou muito reparar a semelhança dela com a Ana, ex-coordenadora do Círculo Bíblico de que participo. E o mais impressionante, eu notei essa semelhança na Igreja da Imaculada Conceição, em Botafogo, onde ela me deu um monte de conselhos! Quem me conhece sabe mais ou menos o porque de tantas exclamações e o que tem a ver uma coisa com a outra. Foi uma tarde que me fez muito bem!

No Sábado passado, conforme prometido, eu fui ao show do Angra no Claro Hall! Fui eu e um amigo meu, o Luiz. Ele ainda é novato em matéria de Heavy Metal, mas parece que gostou bastante do show. Destaque especial para o Claro Hall, que agora deixa o pessoal que tá la dentro, esperando o show, mandar mensagens do celular para os telões. Foi uma distração bem engraçada até a hora da apresentação. Às 11h, o locutor anunciouo show e então cmeçou a tocar a faixa de encerramento(!) do novo CD. Depois eles tocaram a faixa de introdução fazendo a adrenalina da galera ir nas alturas e enfim a banda entrou arrebentando os ouvidos da platéia com “Spread Your Fire”!!! Depois disso o show foi um pouco parecido com o último no Canecão, ou pelo menos parecia que ia ser. Na verdade o show foi maior(Aproximadamente 3h), o cenário do palco estava completo e eles puderam “atuar” mais livremente, dando mais espontaneidade às músicas, destaque para o fundo do palco, atrás da bateria que tina uma plataforma que deixava quem estava lá em cima num plano bem distante e obscuro, dando um visual bem mais Heavy à apresentação. Além disso eles tocaram duas musicas do novo álbum que não haviam tocado no útimo show (“No Pain For The Dead” e “Late Redemption”, que no CD tem a participação do Milton Nascimento), e tocaram TRÊS covers: Uma Instrumental do Pantera que eu não sei o nome, em homenagem ao ex-guitarrista do grupo que morreu no palco, uma do Metallica(“Sad But True”), completando a homenagem ao Trash Metal, estilo do qual o Pantera fazia parte, e uma do Iron Maiden(“Hallowed Be Thy Name”) que fez a galera pular bastante. Fora que eles tiveram três “bizes”, superando o Stratovarius, que voltou duas vezes ao palco a pedido da galera. É por essas e outras que o Angra é minha banda favorita e eu irei a todos os shows que eles fizerem aqui no Rio!!! Ou pelo menos eu vou tentar, né?

A Falange está oficialmente inscrita no festival de bandas que vai ter lá no Garage. A apresentação da banda será dia 18 de Março, à noite. Eu ainda vou confirmar o horário. E é claro que eu gostaria de ver muitos Anjos Terrestres dando força para a gente lá(Até porque eu tenho 50 ingressos e tenho que vender 30 deles até o dia 6 de Março!). O prêmio para o festival é gravar um CD no estúdio primus com 5 músicas produzidas!!! As 10 melhores bandas ainda ficam cadastradas com a produtora do evento para participar de outros eventos capitaneados pela mesma, com tudo pago. Ou seja, nós PRECISAMOS vencer este festival!!!

Recomendo veementemente que vocês visitem, e comentem, o Blog “Fênix“, da Marcela, que está com a primeira parte do conto “O Despertar para a Realidade” de autoria da nossa querida Celinha, é um ótimo conto de ficção espiritual, eu já li e assino em baixo! Passem também no “Legado do Andarilho” e deixem comentários(Muitos, muitos!) pedindo para que ele volte a postar, pois por enquanto eu tou mais ou menos sozinho nesta luta. Visitem também, e comentem, o Blog da “Sândalo Branco“, que tem algumas questões interessantes para se refletir e se conversar(principalmente com a própria Sândalo).

E>Até logo(Se vocês comentarem, é claro)!!!<3
Captare

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s